Buscar
  • Comentários do momento

Dinheiro que vai pelo ralo


Quanto é o custo da burocrática estrutura que as empresas e o governo têm que manter apenas para apurar, pagar, controlar, legislar, arrecadar e fiscalizar os tributos?

A estimativa do dinheiro que vai pelo ralo no caso das empresas equivale a quase R$ 65 bilhões. Já no caso do setor público a estimativa é de aproximadamente R$ 33,6 bilhões.

Em resumo o burocrático sistema de tributos no Brasil custa quase R$ 100 bilhões.

Imaginem se tivéssemos o Imposto Único. Apenas a extinção da papelada, livros contábeis, arquivamento e outras parafernálias exigidas hoje poderíamos economizar bilhões que poderiam ser investidos na produção pelas empresas e na melhoria dos serviços públicos pelo poder público.

Download PDF

#Comentáriosdomomento #economia #iu #reforma