top of page
  • Marcos Cintra

Mais uma vitória da política sobre a economia

Atravessamos o ponto sem retorno na reforma tributária.


A sorte está lançada.


Acompanho com muita apreensão a aprovação da reforma tributária.


Venceu a política, perdeu a economia; venceu a tecnocracia, perdeu a experiência; venceu o academicismo, perdeu o traquejo; venceu o favoritismo, perdeu o espírito público; venceu o mimetismo, perdeu realismo.


A reforma é um salto no escuro que dará início a profundas divergências e graves consequências para colocar o modelo do IBS em pé.


Aos poucos a dura realidade da Pec 45 vai aparecer, com consequências econômicas e judiciais conflitantes.


E nesse cadinho de divergências surgirá uma contra reforma para complementar e corrigir pontos polêmicos.


Uma reforma pontual e infraconstitucional teria sido mais eficiente e mais rápida para corrigir os defeitos amplamente conhecidos de nosso sistem tributário, e sem a disrupção institucional da Pec 45.


A ficha vai cair e ficará claro que esta reforma criará inúmeros problemas econômicos que levarão outras décadas para serem corrigidos.


O Brasil está entrando em uma trajetória de enorme desperdício de tempo e de energia.

Topo
bottom of page