top of page
  • Marcos Cintra

Desenrola: um programa anti-pedagógico

É bom para o Brasil?


Perdoar ou subsidiar dívidas é um exemplo péssimo que apenas fomenta a irresponsabilidade nas famílias brasileiras.


O governo acha o povo hipossuficiente, e quer amarrá-lo nos grilhões do Estado paternalista e assistencialista.


Estimula o gasto consumista e não a frugalidade e a poupança que são os motores do desenvolvimento econômico pessoal e familiar.

Comments


Topo

NOVOS ARTIGOS:

bottom of page