top of page
  • Marcos Cintra

A hipocrisia do Imposto Seletivo

Sabem por que tributam cigarro, bebida e outros produtos de grande importância (chamados de excises no exterior), como combustíveis e energia?


Porque possuem demandas muito inelásticas (insensíveis a variações de preços por serem essenciais ou muito desejados) e, portanto, é possível descarregar bastante imposto neles e a arrecadação é robusta.


Conversa fiada de imposto do pecado ou para melhorar a saúde ou o meio ambiente.


Nos tratam como idiotas hiposuficientes e querem determinar o que devemos, ou não, comer, beber ou praticar.


Não cabe aos tributaristas serem fiscais de saúde pública.


Os consumidores dão de ombros e resignadamente pagam mais imposto ou compram contrabando.


Deveriam cuidar da saúde econômica do Brasil, nada mais.


Mas, infelizmente, acho que acreditam nas idiotices que dizem. Impostos pigouvianos existem para situações existenciais e coletivas (non-rival goods), ex. pedágio urbano; para bens normais são essencialmente arrecadatórios.

Comments


Topo
bottom of page